segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Nosso eterno Chaves


Hoje o Armazém do chef presta a sua homenagem ao grande Roberto Gómes Bolaños, que fez não somente a minha infância como a de muitos outros brasileiros sorrirem durante anos, em seus programas, com a sua comédia sem a maldade ou apelações e sim com algo incrível e inocentes que tira os risos das crianças, jovens e adultos até hoje. Realmente é uma perda lamentável para todos nós. 

O Armazém do chef irá mostrar alguns momentos em que os personagens da vila se mostraram bons na cozinha, começando com Dona Florinda abrindo seu próprio restaurante e contrata o chaves para trabalhar como garçom, mas no final ele acaba dando uma de cozinheiro, aproveitando que Dona Florinda é uma cozinheira de mão cheia ela já fez churros para seu Madruga vender mas não deu muito certo já que nosso querido chaves comeu todos. O próprio chaves já abriu seu próprio negócio "tienda del chavos" onde ele vendia sucos de frutas feito com seu ingrediente secreto, água da chuva e depois do sucesso que estava fazendo ele teve que enfrentar seu concorrente"kiko" com seu super carrinho de sucos. As guloseimas que a bruxa do 71 fazia para o seu madruga, aquele cafezinho sempre oferecido ao professor Girafales ao convite da Dona Florinda. As tentativas de chaves e kiko fazendo um bolo, os pirulito gigantescos e o clássico sanduíche de presunto que todos aprenderam a amar. Dentre outros episódios que mostra muito forte o apelo da comida com os seus personagens, onde podemos chegar em uma conclusão, no mundo do chaves a comida sempre pode nos trazer a felicidade, até no momento mais triste. 
Muito obrigado pelo momentos felizes









Nenhum comentário:

Postar um comentário