sábado, 14 de dezembro de 2013

Calouro da gastronomia

Falar um pouco do primeiro período do curso de gastronomia é algo muito fora do padrão, imagina você fosse acostumado a preparar um ovo frito de uma forma sem muitos segredos e depois que entra na faculdade começa a observar que o nosso ovo frito se transformar num omelete e compreende todo o processo que o faz levar chegar a esse ponto e com isso acabamos descobrindo a gastronomia desde o processo de cozimento ate seus ricos valores nutritivos.

No primeiro período pegamos as seguintes matérias: arte e culinária gastronômica, elaboração e engenharia de cardápios, habilidades culinárias, higiene e segurança alimentar, técnicas básicas de gastronomia, praticas extensionistas e investigativas. Cada uma com um peso muito forte e fazendo parte do grande quebra cabeça da gastronomia.
No Ato da nossa matricula recebemos uma lista de material do primeiro período para ser comprado, nela você já começa a ver facas e outros utensílios: Boleadores, descascador, faca chef  8’, 10’ ou 12, faca de legumes, faca para tornear, fouet, pedra para amolar facas, pincel de silicone, espátula – Pão duro. e Aqui também estão os do segundo período: faca para desossa, faca para filetar, jogo de aros quadrados, jogo de aros redondos, pinça, tesoura para cozinha, acetato, agulha e linha (de cozinha), espátula, faca serrilhada- faca pão.
Imagina a cada período mais e mais material, no final você tem um quite completo, mas sabendo pra que serve cada um, no futuro quando for se especializar nem vai precisar de todos e sim somente daqueles que você acaba adquirindo facilidades e os da essência como a faca chef e o restante vai adquirindo ao se aperfeiçoar cada vez mas na área da cozinha que queira dominar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário